media

Os sintomas são muito parecidos: descamação da pele, coceira, manchas, ardor, desconforto. Além disso, ambas as doenças afetam a auto estima e interferem em atividades simples do cotidiano das pessoas. As duas são crônicas e não têm cura. Qual a diferença entre a psoríase e a dermatite atópica afinal?

Apesar de tantas coisas em comum, as complicações causadas pelas duas doenças são bem diferentes. A psoríase pode culminar em problemas na articulação, pressão alta, diabetes tipo 2, entre outros. Já a dermatite pode provocar asma e rinite alérgica, por exemplo. Veja a lista completa:

Psoríase:

    Artrite psoriática;
    Obesidade;
    Diabetes tipo 2;
    Pressão alta;
    Doença renal;
    Doença cardiovascular;
    Mal de Parkinson;
    Síndrome metabólica – o que aumenta o risco de doença cardíaca;
    Doenças autoimunes – como doença celíaca, esclerose e síndrome de Chron;
    Problemas nos olhos – por exemplo, conjuntivite.

Dermatite atópica:

    Asma;
    Febre do feno;
    Coceira crônica;
    Infecções cutâneas;
    Dermatite de contato;
    Problemas de sono.

Embora os portadores de psoríase estejam sujeitos a ter complicações bem mais graves no geral, quem tem uma das duas doenças pode desenvolver outros problemas de saúde. O ato de coçar, por exemplo, pode levar à ruptura da barreira da pele, criando oportunidade para o surgimento de infecções. Para evitá-las, a higiene deve ser mantida com rigor, tanto no corpo, quanto nas unhas. Além disso, em ambos os casos é recomendado o uso de produtos hidratantes que irão auxiliar na inibição do quadro inflamatório, recuperando a barreira cutânea.

Aqui vão algumas dicas para prevenis as duas doenças da pele:

 1- Mantenha uma dieta equilibrada, com suplementação de vitaminas, como a Vitamina C, essencial para melhorar a síntese de colágeno e antioxidante. A ingestão de ômega-3 de boa qualidade também é importante, pois além de atuar como regulador do status inflamatório do corpo, também auxilia na manutenção da barreira cutânea da pele;
 2- Evitar o contato com detergentes, produtos de limpeza ou mesmo sabonetes, por exemplo, especialmente se a exposição acontece em presença de calor, como é o caso do banho muito quente. Isso diminui a oleosidade natural e prejudica a barreira cutânea.

  • Jul 12, 2018
  • Category: Bem-Estar
  • Comentários: 0
Comentários: 0

Sem comentários no momento =(

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado, fique tranquilo! *